O turnover, ou rotatividade de pessoal, é o termo que define o movimento de saída de colaboradores e de contratações para substituí-los em uma empresa. Uma alta taxa de rotatividade gera custos com desligamentos e novas contratações, encargos, despesas com treinamentos, perda de talentos e de tempo necessário para adaptação – de acordo com pesquisa, o custo para a perda de um funcionário pode custar à empresa até 213% do valor de seu salário.

Em um cenário competitivo é fundamental que as organizações retenham seus talentos, por meio de estratégias motivacionais que façam com que os funcionários sintam-se engajados e parte essencial da estratégia da empresa.

Veja, a seguir, dicas para ajudá-lo a reduzir a taxa de turnover e os custos envolvidos nesse processo em sua organização. Confira!

Ações para reduzir o turnover e os custos trazidos pela alta rotatividade

#1 Tenha transparência e foco em seu processo seletivo

Para diminuir gastos com turnover, durante o processo de contratação, é fundamental optar por candidatos que se encaixam na cultura organizacional com facilidade – de nada adianta contratar um candidato altamente qualificado, se ele não gostar de trabalhar na sua empresa ou se não se identificar com sua missão, visão e valores.

Durante a entrevista, seja transparente e não exagere em nenhum ponto para que seu candidato não nutra expectativas irreais. Estabeleça todos os detalhes da função para que os possíveis contratados filtrem rapidamente se enquadram-se no perfil da vaga.

#2 Invista no processo de Onboarding

Investir na recepção e integração dos novos funcionários é uma boa maneira de diminuir gastos com turnover, pois esse cuidado demonstra interesse e impacta na forma como eles verão a empresa.

Se eles não sentirem-se bem-recebidos e amparados já desde o início, eles poderão desmotivar-se e buscar uma nova colocação. Aproveite esse momento e integre seus funcionários atuais também nesse processo, valorizando seu papel, sua experiência e seu comprometimento com a empresa. Crie um programa para integração dos novos funcionários com a participação dos colaboradores antigos, criando uma onda de valorização de toda a equipe.

#3 Crie um plano de carreira

Estimule os membros da sua equipe apresentando as possibilidades de crescimento dentro da sua empresa. Essa estratégia tornará os profissionais mais produtivos e motivados, reduzindo o turnover. Cada vez mais as pessoas estão em busca de desafios e de oportunidades de desenvolverem-se, mostre que em sua empresa eles terão este espaço e apoio.

#4 Ofereça treinamentos

Investir na capacitação dos colaboradores é uma excelente forma de reduzir gastos com turnover. Mostre para a sua equipe a importância do aprendizado constante, a forma como essa prática irá enriquecer seus currículos e a sua visão de mundo.

#5 Mantenha salários compatíveis com o mercado

Para diminuir gastos com turnover, faça pesquisas e conheça a concorrência; os salários dos seus colaboradores devem ser compatíveis com as práticas adotadas no mercado.

Conhecer os salários que são oferecidos pela concorrência é fundamental para manter sua equipe motivada e reter seus talentos, ao invés de apenas formar mão-de-obra para o mercado.

#6 Realize avaliações de desempenho e feedback regulares

Avaliações de desempenho e feedback periódicos são essenciais para diminuir gastos com turnover. Aposte em sessões de feedback frequentes, esta é a forma mais rápida de fazer com que seus colaboradores sintam-se valorizados e ouvidos.

Há diversas metodologias disponíveis, como a avaliação 360º, que é utilizada para desenvolver uma visão completa de todos os níveis hierárquicos da organização, o feedback efetivo e o corretivo. Escolha a mais adequada e coloque em prática para alinhar as expectativas com o seu quadro de colaboradores.

#7 Ofereça benefícios “incomuns”

A valorização de seus funcionários e o engajamento ao seu negócio podem crescer por meio de pequenas atitudes do dia a dia, como um café da manhã em comemoração a alguma conquista obtida, ter um espaço pet friendly ou até mesmo atuar em horário flexível ou no modelo home office. Investir em benefícios diferenciados e valorizados por seu grupo e que, ainda, frequentemente não requerem grandes investimentos, é uma excelente maneira para diminuir gastos com turnover.

#8 Permita oportunidades que criem impactos

Para diminuir gastos com turnover é preciso encarar que o perfil dos colaboradores mudou e acompanhar esta mudança. Nas gerações anteriores, os profissionais, de modo geral, eram mais leais às empresas. Os Millenials, que são aqueles que nasceram entre 1980 e 1996 são conhecidos por trocarem de emprego com mais frequência, o que pode levar a um aumento de custos com turnover.

As empresas devem entender que essa geração não busca apenas uma boa remuneração, eles querem fazer a diferença. Ofereça experiências de aprendizado por meio de desafios constantes. A melhor motivação é superar esses desafios, provando que são capazes.

#9 Clima organizacional

O bom relacionamento deve ser uma constante, pesquise qual é o clima que impera na sua empresa, como seus colaboradores são tratados pelos supervisores, como as lideranças são vistas e qual é a percepção que os funcionários têm de seu ambiente de trabalho.

Ter um clima organizacional saudável ajuda a reduzir gastos com turnover e aumenta o engajamento da sua equipe. É possível mensurar e dar adeus ao climão na sua empresa com uma ferramenta de clima organizacional.

#10 Adote a entrevista de desligamento

Se a empresa não souber o que seus colaboradores estão pensando a seu respeito, jamais irão conseguir atrair e reter talentos. Para diminuir gastos com turnover, é preciso saber onde está o problema e agir!

No momento do desligamento, realize uma entrevista e questione a respeito da experiência durante todo o tempo em que o colaborador ficou na empresa, peça para que ele destaque os pontos positivos e negativos, identifique o motivo de sua saída e em que aspectos a organização falhou. De nada adianta elaborar formulários que sirvam para mera formalidade! Esteja aberto a criticas e busque melhorias.

Muitos gestores acreditam que a rotatividade de pessoal seja algo natural, que as pessoas não são comprometidas e não dão a devida importância ao seu trabalho; para reduzir o turnover e seus custos é preciso encarar o problema de frente e focar no desenvolvimento de soluções. Do contrário, a empresa nunca será capaz de manter uma cultura, pois estará sempre recomeçando.

E você, já pratica alguma das nossas dicas de como diminuir gastos com turnover? Continue aprendendo sobre o tema: se em sua empresa há o famoso climão, veja nossas dicas de como resolvê-lo e evitar um aumento de rotatividade!

10 formas de diminuir gastos com turnover
Classificado como:    

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *